26/07 - 31/07/2016

Divina Misericórdia



O que é a mensagem da Divina Misericórdia?

É uma mensagem de Deus, cheia do calor do seu Amor para as pessoas de nosso tempo, escrita por Santa Faustina em seu “Diário”. Em uma de suas revelações Jesus lhe disse: “Hoje envio a ti a toda a humanidade com Minha Misericórdia. Não quero castigar a humanidade doente, desejo senão curá-la, aconchegá-la no Meu Coração misericordioso”. São João Paulo II disse sobre a mensagem da Misericórdia: “ Esta mensagem consoladora se dirige sobretudo àqueles afligidos por uma prova particularmente dura ou oprimidos pelo peso dos pecados cometidos, que perderam a confiança na vida e sentiram a tentação de cair no desespero”.

Quando e em que circunstâncias foi escrita?

No ano de 1931 Santa Faustina recebeu sua primeira revelação relacionada com a Divina Misericórdia. No domingo, 22 de fevereiro, viu a Jesus Cristo que lhe pedia pintar a imagem segundo o modelo que viu. Na revelação seguinte Jesus lhe falou sobre a instituição da Festa da Misericórdia. Isso foi só o princípio dos encontros incríveis de Faustina com Jesus, durante os quais aprofundou-se no mistério da Misericórdia de Deus e recebeu instruções relacionadas com a missão de transmitir a mensagem da Misericórdia de Deus.
Faustina transmitia todos os desejos de Jesus Cristo a seus confessores e superiores, os quais, ao princípio, se mostraram céticos. Também ela desconfiou num primeiro momento do que via e ouvia, por isso buscava a confirmação e ajuda da Igreja. Por instrução de Jesus escreveu tudo no “Diário”, que foi publicado pela primeira vez no ano de 1981. Desde aquele momento, o “Diário”, foi traduzido para 30 idiomas e se publicaram numerosos exemplares. Depois de conhecer a mensagem de Jesus Misericordioso, a vida de muita gente mudou radicalmente.

Qual é a essência da Mensagem?

A essência da Mensagem é maravilhosa. Recorda ao mundo com renovada força a verdade bíblica sobre o grande amor de Deus a cada homem. Um amor que se expressa na vida, morte e ressurreição de Jesus, e que pede como resposta confiança em Deus e misericórdia com o próximo. Isto é um elemento fundamental do cristianismo. Nesta mensagem, Jesus Cristo expressa seu enorme desejo de que o levemos a todas as pessoas através da oração, das obras e do testemunho autêntico de nossa vida. Jesus quer que as pessoas conheçam a Deus não só como Santo e Justo, senão sobretudo como Pai misericordioso, que ama a seus filhos sempre, inclusive quando o abandonam. “Sou o Amor e a própria Misericórdia – disse – e quero que todo o mundo conheça minha Misericórdia”, porque só nela, como dizia São João Paulo II, “o mundo encontrará a paz, e o homem a felicidade. ”

Jesus Cristo revelou orações especiais a alguém?

Jesus nos dá, através de Santa Faustina, cinco formas novas de culto, as quais nos revelam novos espaços para o encontro com Deus e nos ensinam como pedir-lhe sua misericórdia para aqueles que a necessitam”. Em ordem cronológica:

A imagem de Jesus Misericordioso, com as palavras “Jesus, em Ti confio”

A festa da Misericórdia, segundo o que disse Jesus, que se celebra no segundo domingo de Páscoa

Coroa Divina Misericórdia, para reza-la com as contas do rosário

Hora da Misericórdia, a oração na hora da morte de Jesus na Cruz. As 15:00 em ponto

Propagação da devoção a Divina Misericórdia
A propagação da devoção a Divina Misericórdia é um convite de Jesus Cristo para todo o mundo: leigos, jovens e adultos, sacerdotes e religiosos, famílias e todas as comunidades, para que o testemunho de sua vida, suas obras, palavras e orações mostrem ao mundo o Deus Misericordioso.


irmã Gaudia Skass, ZMBM

Está página contém cookies. Ao continuar navegando aceitará o seu uso.

Aceitar