26/07 - 31/07/2016

Atualizações / Notícias

Atrás

Exposições durante a JMJ - um momento de descanso para os peregrinos

2016-06-23 / Festiwal Młodych


Pintura, fotografia, ícones, histórias em quadrinhos, apresentações e improvisos serão apresentados em exposições organizadas no âmbito do Festival da Juventude. Os trabalhos serão apresentados por artistas da Polônia, França, Argentina, Estados Unidos, entre outros.


O Festival da Juventude tem preparado cerca de 20 exposições diferentes, variando em forma e conteúdo, aludindo a, entre outras coisas, a vida de João Paulo II, a ação pró-vida e vocação. Dentre os trabalhos desenvolvidos haverá placas mostrando peregrinações de escoteiros para a Itália e Santuários Marianos Europeus e pôsteres relativos à Divina Misericórdia importado da Argentina. Uma parte importante das exposições será o trabalho do falecido Eugeniusz Mucha - um notável artista da pintura sacra contemporânea.

Um dos artistas convidados para o Festival da Juventude é a irmã religiosa Terezja Maria Piękoś, que trará da Dinamarca um mosaico impresso criado juntamente com crianças dinamarquesas que mostra a história da salvação. Os Jovens Embaixadores que viajam pela Europa em um "Busem do marzeń" ('Ônibus Para os Sonhos') promovendo o encontro com o Papa em julho irá apresentar os impactos desse projeto no festival da juventude como uma coleção de livros de histórias em quadrinhos intitulado "Kilometr dla papieża" ('Quilômetro para o Papa'). Haverá também uma singular exposição preparada por americanos relacionada com o tema pró-vida, utilizando motocicletas.

Parte das exposições será aberta somente pouco antes do início da Jornada Mundial da Juventude, enquanto outras partes serão abertas bem antes. Exposições serão exibidas em diferentes partes da cidade, em museus, igrejas, e ao ar livre. Como apontado por Julia Basista, Coordenadora das Exposições, as galerias preparadas são destinadas a oferecer a peregrinos e moradores de Cracóvia a chance de descansar. "E quem sabe talvez, essas pessoas possam se envolver na proteção da vida, ajudar as pessoas com deficiência ou se interessar pela comunidade das Irmãs de Maria, Rainha dos Apóstolos", diz Julia.

Além das tradicionais exposições, haverá também espetáculos ao vivo. Um dos artistas, que também envolve os outros em seu trabalho, é Julien Touchard da França. Desde já, ele está encorajando todos a enviar fotos pessoais para handbyhandproject@gmail.com. As fotografias enviadas serão impressas e dispostas em uma obra de arte na frente de um público em Plac Niepodległości.

As informações detalhadas sobre as exposições estarão disponíveis em breve através do aplicativo móvel. O acesso às exposições será gratuito.


Ewelina Słomka

Tradução: Almir Gomes


Está página contém cookies. Ao continuar navegando aceitará o seu uso.

Aceitar